Mesmeriza

Preciosa certeza que tens

entre o peito e as mãos

que tecem teus vãos

de silêncios e lágrimas

Vadia tua crença

de que não mudaste

com os dias de frio

amparados na solidão

Mesmeriza um porvir

que abominaste outrora

corre, foge à armadilha:

são sonhos de oásis

Repara na idade da alma

que trocou-te a roupagem

por translúcidos vestidos:

andas devagar e leve

 

que te invejam o nascer livre do sorriso

e o livre do corpo a amar sem peso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: