Adormeço II

Vem o frio

o tempo se desmancha

em janelas abertas

 

É férias

trouxeste malas

e um casaco

 

O trem

deixou a estação

rumo ao nosso coração

 

Peço ao ponteiro

“pare!” feito

chuva congelada

 

Na serra há geada

e na segunda

nós no sofá

quando, por fim

eu adormeço

no teu colo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: