Muletas

As pessoas amparam-se em muletas para viver. Seja no amor, no trabalho, na família, na saúde. Precisam sempre de uma aliança, de salário mais alto ou estabilidade, do doar-se falsamente, de deixar para amanhã aquela caminhada.

Há sempre uma muleta para quem quer entrar no ônibus, sem pagar e ter um banco garantido.

Difícil mesmo é viver sem muletas e ter que ficar em pé, segurando um monte de sacola pesada, o trajeto todo. Mas, quem iria querer, não é?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: