Adormeço

Enlevo se dá

na alma do

bem-te-vi

ao acordar

 

prevenidas

formigas

carregam folhas

ao ninho

 

Chovia

pela manhã

e na minha janela

o sol se estendia

 

O gato

desesperado

cantarola

o seu miado

 

Lua cheia

no sábado

quando, por fim

eu adormeço

no teu ombro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: