À beira-baía 

(para Itajaí) 

Desfaz, vento

Ondas em par

Nuvens nenhumas

De sábados de sóis

Que amanhã é domingo

Em paz de dia frio

E almoços e sobremesas

Desfaz, vento

O alinhado dos cabelos

O desenho das areias

Que é sábado de praia

E amanhã é domingo

À beira-baía e crianças

E barquinhos atracados

Ouvindo o ondular

Das águas nas pedras

“que hoje é domingo

não é dia de pescar ”

Desfaz, vento

O domingo a passar

Até os peixes descansam

E ninguém quer ver

A segunda chegar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: